A classe utilizada depende do nível de proteção requerido na respetiva área de trabalho

O vestuário de trabalho de alta visibilidade é indispensável para evitar possíveis acidentes e para garantir a visibilidade por parte das outras pessoas. Mas qual é o sistema segundo o qual o vestuário de sinalização é classificado? A subdivisão é efetuada em 3 classes, em função das áreas mínimas de material de fundo e de material retrorrefletor que perfazem a peça de roupa. Quanto maior for a classe (e, portanto, a área retrorrefletora), maior será o nível de proteção proporcionado.

O contraste entre a roupa e o plano de fundo torna a pessoa que veste o  vestuário de trabalho de alta visibilidade mais visível. Isto é conseguido através de materiais fluorescentes (durante o dia) ou de materiais refletores (em condições de pouca luz). 

Qualquer vestuário de alta visibilidade destina-se a ser o primeiro elemento de proteção ou defesa contra um possível acidente, devido a atropelamento ou a máquinas em movimento. Por conseguinte, é imprescindível que este tipo de peça de vestuário cumpra as normas específicas incluídas na ISO 20471/13+A1/16, em conformidade com a lei 31/1995.

Classificação do vestuário de alta visibilidade

A subdivisão é feita em três classes, devendo cada uma obedecer a determinadas superfícies mínimas de material visível. Estas quantidades são:

Superfícies mínimas necessárias de material visível em m2

Vestuário de Classe 3 Vestuário de Classe 2 Vestuário de Classe 1
Material de base 0,80 0,50 0,14
Material retrorrefletor 0,20 0,13 0,10
Material misto 0,20
  • Vestuário de Classe 3: proporciona uma visibilidade de 360º, bem como o reconhecimento da figura humana. Estas são as peças de roupa que proporcionam o mais elevado nível de visibilidade. A que trabalhadores se destinam? Aos trabalhadores cujo trabalho envolva sérios perigos e a execução de tarefas pesadas, implicando, por exemplo, condições meteorológicas desfavoráveis e a proximidade ao tráfego a velocidades superiores a 80 km/h. Além disso, este tipo de peças de roupa proporciona uma visibilidade adicional em áreas como as pernas e os braços.

  • Vestuário de Classe 2: estas são peças de roupa concebidas para atividades que requerem mais visibilidade em condições meteorológicas desfavoráveis. A classe 2 inclui trabalhadores que não conseguem estar atentos ao tráfego ou que trabalham nas proximidades de veículos a circularem acima dos 40 km/h.

  • Vestuário de Classe 1: esta classe foi concebida para garantir que os trabalhadores são vistos por completo ao se aproximarem do tráfego. Trata-se de peças de roupa que proporcionam visibilidade nos casos em que existe uma separação suficiente entre o trabalhador e o trânsito, que deverá circular a velocidades inferiores a 40 km/h.

quais são os 3 tipos de vestuário de alta visibilidade?

Pode, então, ser concluído que é absolutamente imprescindível optar pela classe de vestuário de alta visibilidade mais apropriada, em função do trabalho realizado, de modo a garantir uma proteção adequada contra possíveis acidentes ou atropelamentos. Além disso, as peças de vestuário permitem uma personalização com elementos da respetiva empresa, cumprindo sempre todos os requisitos aplicáveis. 

A TS2 Ibérica pode ajudá-lo com qualquer dúvida que possa ter. Aceda ao nosso sítio Web, onde encontrará uma vasta gama de vestuário e de acessórios de alta visibilidade para o local de trabalho. Não hesite em entrar em contacto connosco!

Entre em contacto com a T2S